Programa Direção Espiritual => Toda Quarta-feira às 22:00h. na Canção Nova ★

domingo, 27 de abril de 2014

Sejamos misericórdia para o Mundo

Sejamos misericórdia para o mundo 
Padre Fábio de Melo
Foto: Natalino Ueda/cancaonova.com
Jesus foi um especialista em nos ensinar que não tem sentido a vida sem reverenciar a sacralidade dos irmãos que estão ao nosso lado. O Cristianismo se para o Céu, mas não podemos esquecer que devemos aqui na terra viver como se já fosse o Céu, para a eternidade.

Com o tempo vamos aprendendo a lidar com os nossos limites. Quem reconhece o limite que tem, torna-se capaz de receber a misericórdia do outro, os arrogantes não querer isto, você é capaz de olhar para o outro e dizer das suas misérias? É preciso ter uma boa caminhada de fé e coragem para andar nesta direção e assumir sua própria fragilidade.

Entramos agora na dinâmica de São Paulo, que o tesouro exite e somos nós, mas estamos guardados em vasos de barro. A liturgia de hoje fala de ressurreição e da misericórdia. E somos chamados viver assim: como o mestre. Viver com disposição de vasculhar o nosso coração e de expulsar aquilo que não parece com Jesus, então perceber que se precisa de conversão.

A nossa fé precisa ser traduzida na vida. Se acreditamos no ressuscitado, precisamos ser parecidos com o mestre. Se você é arrogante, peça ao Senhor que retire isto de você. Podemos por vezes obedecer algumas leis por um tempo, mas se não adentrarmos na lei não a viveremos quando ninguém tiver nos olhando. Assim fez Jesus: viveu aqui na terra como nós, para mostrar-nos que é possível viver a lei, mas a lei da misericórdia. Nós devemos levá-la ao mundo!

Depois que nos tornamos livres é que sabemos da importância de obedecer. Obedecer a Deus significa ouvir dele aquilo que Ele quer de você. Quando você é livre, não permite que a sua cegueira espiritual, e assim você consegue enxergar a vontade de Deus.

Pobre é aquela que fica se lamentando daquilo que Deus fez em você. Irmãos, aquilo que Deus fez em nós só está começando, isto é humildade. Hoje, logo que entrei aqui, um único pensamento me ocorreu: nós ainda não conseguimos destruir o inferno, mas neste dia com certeza, uma trinca da parede nós fizemos! Não se acostume com os seus defeitos, eles permitem quem o diabo se aloje nele e semear o inferno a partir de você.
"Sejamos o rosto de Cristo para o mundo", exortou o padre
Foto: Natalino Ueda/cancaonova.com

Se nós não nos vigiarmos podemos semear o inferno através dos nossos gestos: olhares ou fofocas. Olhe Deus nos olhos! Permita que a misericórdia do Senhor lhe alcance, pois precisamos ser os legítimos discípulos do mestre aqui na terra.

Como inauguramos a vida cristã? No Batismo. Neste sacramento deixamos de ser criaturas e nos tornamos filhos de Deus. A partir deste momento, se inicia em nós a vivência de Cristo em nós. Ele é a raiz, a fonte que tornam possível que atualizemos a partir de cada Santa Missa a experiência com o Ressuscitado.

O Senhor nos se cansa de nós. Nenhum erro retirar de nós a qualidade de filhos amados por Deus. Nada que você fizer mudará isso! Amados, não tenho medo de dizer que só a misericórdia do Senhor mudará este mundo do mal que vivemos.

Se vivêssemos com os atos de misericórdia, mudaremos o mundo, pois a misericórdia é a forma aprimorada da Lei. Onde estiver um coração cheio de misericórdia, ali terá um coração parecido com o de Jesus.

Transcrição e adaptação: Luana Oliveira
--------------------------------------------------------------
Padre Fábio de Melo 
Padre que evangeliza como cantor, compositor, escritor e apresentador do programa "Direção espiritual" na TV Canção Nova. 



Fonte:Site Canção Nova
http://www.cancaonova.com/portal/canais/eventos/novoeventos/cobertura.php?cod=2926&pre=8349&tit=Sejamos%20miseric%F3rdia%20para%20o%20mundo