Programa Direção Espiritual => Toda Quarta-feira às 22:00h. na Canção Nova ★

sábado, 10 de outubro de 2009

Pe. Fábio Pe. Fábio de Melo solicita orações, sua mãe encontra-se hospitalizada e passará por uma cirurgia.


09/10/2009
Fonte: http://twitter.com/pefabiodemelo
D.Ana sofreu uma queda e fraturou o fêmur, encontra-se hospitalizada e passará por uma cirurgia. Pe. Fábio pede orações:

"Minha gente, minha mãe está hospitalizada. Passará por uma cirurgia hoje.
Sofreu uma queda e fraturou o fêmur.
Rezem por ela.

Por essa razão os meus eventos em Belém estão cancelados.
Meu Círio será por aqui, ao lado dela.
Fiquem com Deus e obrigado pelo carinho.
Fico emocionado com tanta manifestação de solidariedade.
É nessa hora que entendo o significado do cêntuplo evangélico.
Agradeço também à diretoria da Festa do Círio de Nazaré,e ao Banco da Amazônia, lugar onde eu cantaria a homenagem no domingo.
Aproveito para agradecer ao povo do Pará.

Aos amigos da paróquia Santo Antônio de Lisboa, organizadores do show de hoje. Remarcaremos o evento. Aos paraenses, povo que aprendi amar, só peço uma coisa:
não se esqueçam do menino que a Virgem leva ao colo. O Círio é Dele...

A beleza da berlinda, a simplicidade da mulher que o povo espera, a corda que acalma as dores da alma, tudo é motivo de nossa festa.
Que a Virgem de Nazaré faça o Pará se render aos pés de seu Divino Filho.

Eu ficarei daqui, vivendo as emoções de cada momento.
Dona Ana sente muitas dores. Está vivendo o seu calvário como sempre viveu.
Vez em quando a dor supera os seus limites.
Ela chora em silêncio.
Não há nada pior que ver sofrer aquele que amamos.
Ontem, ao transportá-la na ambulância vivi um dos momentos mais tristes da minha vida...
Ela chorava segurando a minha mão.
Vez em quando deixava nascer um sorriso e dizia:
"Que bom que vc está aqui, meu filho!"

Ela não queria que eu deixasse de ir para Belém.
Disse que minha missão é o "Mundo".
Foi então que eu lhe pedi o direito de fazer o meu mundo ser ela, ainda que por poucos dias.

Ela segura minha mão e diz: "Meu padre!"

Descobri que preciso ouvir isso.
Ela me recorda quem sou.
A cirurgia será às 20 horas.
Ela está com medo.Eu também.
Mas hoje o mundo inverteu a ordem.Minha mãe é minha filha, e precisa de mim.
Eu já vou indo.
Que Deus abençoe à todos.
Obrigado, mais uma vez.
Darei notícias.

Por Padre Fábio de Melo, em 09/10/2009, no Twitter.
Fonte: http://twitter.com/pefabiodemelo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço a sua visita e comentário no Blog.
Espero que tenha gostado.